Siga-nos

Aguarde processando...

X

Iapen divulga resultados do aumento das revistas em pavilhões e visitantes

Andrey Santana - Assessoria Sesp

20160311_102439(0)

O Instituto de Administração Penitenciária do Acre (Iapen/AC) apresentou nesta sexta-feira, 11, um balanço das últimas ações realizadas dentro das unidades penitenciárias do Estado. Nas duas últimas semanas, foram realizadas sete revistas-gerais em todas as unidades penitenciárias da capital, Senador Guiomard e Sena Madureira.
Ao todo, foram apreendidos, pelo menos 30 celulares, pequenas porções de drogas, mais de 100 armas artesanais e facas. O Iapen acredita que, com a ativação dos novos equipamentos disponibilizados pelo Departamento Penitenciário Nacional (Depen) do Ministério da Justiça, essa quantidade de ilícitos, dentro das unidades, deve reduzir gradativamente.
“Instalamos um Raio-X no Complexo Penitenciário e pórticos detectores de metais. Além disso, os agentes também utilizam raquetes detectoras. Há quinze dias que esses equipamentos estão funcionando. No último fim de semana, por exemplo, uma visitante foi flagrada com ilícitos, graças a esses procedimentos”, explicou o diretor-presidente do Iapen, Martin Hessel.

Screenshot_2016-03-11-13-08-05

Qualificação para manusear os equipamentos
Nos dias 18 e 19 de fevereiro, a primeira equipe de agentes penitenciários recebeu instruções sobre manuseio e utilização correta desses equipamentos durante os procedimentos de revistas pessoais aos visitantes. Aos domingos, só na capital, por exemplo, cerca de 2.000 pessoas procuram a penitenciária para visitar familiares ou conhecidos, o que exige agilidade nas revistas, mas também total atenção.
“Tiramos muitas dúvidas nesse treinamento, como identificar cada material no Raio-X, por exemplo. Ele mostra detalhadamente o que tem no interior de cada objeto que passa através dele. Isso já está fazendo a diferença no dia a dia do nosso trabalho, pois deu mais agilidade nas revistas e mais segurança”, disse o agente penitenciário Márcio do Vale.

Publicidade

Escreva seu comentário

Informamos aos nossos caros leitores que a Equipe Ecos da notícia não se responsabilizará pelas consequências jurídicas
sobre os comentários divulgados.

%d blogueiros gostam disto: