Polícia prende quatro suspeitos queimar ônibus no Wilson Ribeiro



Quatro pessoas foram presas na manhã desta sexta-feira, 06, indiciadas por envolvimento com o tráfico de drogas e de integrar uma quadrilha de insurgentes contra o Estado, na tentativa de promover desestabilização da ordem pública, durante o início do mês de outubro no Acre. As prisões ocorreram no Portal da Amazônia, região do bairro Calafate, durante a ação conjunta das polícias Civil e Militar.

Presos quarta regional
Na ocasião, foram presos: Francisco Campos de Souza, de 21 anos, vulgo “Caçarola”, Luiz Carlos Freire Magalhães, também de 21 anos, o “Luizinho”, Emanuela Furtado da Silva, 18 anos, e Carlos Alberto Rocha da Silva, de 36 anos, o “Bodó”. De acordo com a investigação, os quatro são suspeitos de incendiar um ônibus de linha do bairro Wilson Ribeiro, no inicio do mês de outubro.
Em poder de Emanuela a equipe do delegado Odilon Vinhadelli Neto, que conduz a investigação, apreendeu porções de maconha. Os quatro investigados foram conduzidos à sede da 4ª Regional de Polícia Civil, no bairro Tucumã, para os procedimentos legais.
“Essas pessoas, foram pressas com autorização da Justiça. Elas são apontadas pela própria comunidade como autoras de vários furtos e roubos e de afrontar moradores com ameaças constantes, a ponto de mapear casas e comércios para roubos e furtos. As polícias fizeram a pronta intervenção”, observa Odilon.
A autoridade policial explicou ainda que Francisco Campos de Souza, o “Caçarola”, é investigado por tráfico de drogas, roubo, furto e porte de arma de fogo. “Bodó” por porte de arma de fogo e tentativa de homicídio. Já Luizinho tem passagem na polícia por roubo, quando menor de idade.




Notícias Relacionadas