Bebedeira termina em morte no Loteamento Praia do Amapá



“Era para ter matado mais uns três, mas não tive tempo” declarou o idoso rindo.

“Era para ter matado mais uns três, mas não tive tempo” declarou o idoso rindo.

A intolerância imperou durante uma bebedeira entre vizinhos na tarde de domingo (31) no Loteamento Praia do Amapá, região do Segundo Distrito de Rio Branco.
De acordo com informações da polícia o idoso José Carlos da Silva de 62 anos, consumia bebida alcoólica em companhia de vários homens quando se desentendeu com Francisco da Silva Souza de 41 anos e de posse de uma faca desferiu três golpes na vítima que morreu no local.
O idoso acusado de cometer o crime foi preso minutos depois por policiais militares do 2º Batalhão que evitaram uma tragédia maior quando conseguiram dispensar uma multidão que cercava a casa do idoso e ameaçava toca fogo revoltados com o crime cometido.
Preso e conduzido a Delegacia de Flagrantes – DEFLA José Carlos confessou o crime e alegou como motivação o fato da vítima e outros homens estarem “zuando” dele (José Carlos).
“Era para ter matado mais uns três, mas não tive tempo” declarou o idoso rindo.
A frieza como confessou o crime impressionou os militares que prenderam o idoso. “Ele é muito frio e declarou que não tinha nada a perder, mas não permitia homem nenhum tirar onda com a cara dele” disse um militar que participou da prisão do acusado.




Notícias Relacionadas