Siga-nos

Aguarde processando...

X

Helano: Sesacre diz que investigação sobre possível erro médico está em fase de conclusão

Helano após ter o intestino e uretra perfurados durante transplante no Hospital das Clínicas, no Acre

Do Contil notícias Rio Branco, AC

secretarioarmando-300x169A assessoria da Secretaria de Saúde do Acre (Sesacre) e Hospital das Clínicas (HC) divulgou nota de pesar pelo falecimento do empresário Helano Moniz, que morreu no Hospital Beneficência Portuguesa, em São Paulo, após intestino e uretra perfurado durante transplante em que doava o rim para o irmão dele, Heven Moniz, no HC.

A nota diz, ainda, que a Sesacre e HC abriram sindicância para apurar possível erro médico no procedimento médico.

“A comissão permanente de sindicância do HC realiza as investigações, que já estão em fase de conclusão. Ao fim da sindicância, caso esta aponte a necessidade, processos administrativos disciplinares serão abertos”, diz trecho da nota.

IMG-20150929-WA0049-300x202

Confira a nota:

NOTA DE PESAR

O secretário de Estado de Saúde, Armando Melo, e a superintendente do Hospital das Clínicas de Rio Branco, Juliana Quinteiro, em nome dos servidores da Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre) e do HC, manifestam profundo pesar e solidariedade à família do senhor Helano Moniz, que faleceu nesta terça-feira, 29.

No dia 02 de setembro deste ano, Helano Moniz havia doado um rim para seu irmão, em transplante realizado no Hospital das Clínicas. Porém, durante a recuperação pós-operatória, o paciente apresentou graves complicações de saúde, sendo encaminhado para um hospital de referência de São Paulo, onde ficou internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Apesar de todos os esforços médico e hospitalar, Helano Moniz não resistiu.

Cabe-nos informar que, tão logo soube-se da possibilidade de ter havido erro médico durante o procedimento de transplante, a Sesacre e o HC determinaram a abertura de sindicância. A comissão permanente de sindicância do HC realiza as investigações, que já estão em fase de conclusão. Ao fim da sindicância, caso esta aponte a necessidade, processos administrativos disciplinares serão abertos.

Neste momento de dor, o secretário, a superintendente e toda a equipe da Sesacre e do HC transmitem sinceras condolências à família enlutada.

Rio Branco – Acre, 29 de setembro de 2015.

Atenciosamente,

Armando Melo

Secretário de Estado de Saúde

Juliana Quinteiro

Superintendente do Hospital das Clínicas de Rio Branco

 

Publicidade

Escreva seu comentário

Informamos aos nossos caros leitores que a Equipe Ecos da notícia não se responsabilizará pelas consequências jurídicas
sobre os comentários divulgados.